Dietas

Dieta Low Carb: Tudo que Você Precisa Saber

dieta low carb
Escrito por Silvana Oliveira

Atualmente é fácil encontrar uma grande quantidade de dietas espalhadas pela a internet, mas existe uma em especial que está ganhando cada vez mais espaço: a Dieta Low Carb. Conheça essa dieta e consiga alcançar os seus objetivos de emagrecimento!

Você deve saber bem que todos os anos aparecem novas dietas, mas infelizmente não são todas as que conseguem realmente apresentar bons resultados. Algumas oferecem até mesmo alguns riscos para a sua saúde!

O fato é que a dieta low carb é extremamente interessante para as pessoas que querem emagrecer e também sonham com uma vida mais saudável.

Na verdade, não existe maneira melhor de emagrecer do que mantendo o foco na sua saúde, pois não existe nada mais importante do que isso. É válido que você saiba que esta dieta ajuda a manter o seu corpo mais saudável e ainda age eficientemente no emagrecimento.

Quer conferir mais sobre o assunto? Então continue acompanhando o que nós preparamos para você.

Dieta Low Carb: o que você precisa saber

Algumas dietas são desenvolvidas para o longo prazo e você só começa a observar os resultados depois de alguns meses, o que acaba desanimando algumas pessoas. Um dos diferenciais da Dieta Low Carb é que ela apresenta resultados bem rápidos e tudo sem prejudicar a sua saúde.

Em meio a tantas dietas que só existem para enganar as pessoas, conheça mais sobre a Low Carb:

Como funciona a Dieta Low Carb?

Essa dieta é baseada no baixo consumo de carboidratos. Ao comer esse nutriente em baixa quantidade, a redução do peso pode ser até 3 vezes maior do que qualquer outro tipo de dieta. Você sabia disso?

Só para você ter uma melhor noção sobre esse fato, de acordo com uma pesquisa que foi realizada, um grupo de pessoas que seguiu a Dieta Low Carb conseguiu perder uma média de 5,8 kg, enquanto que o outro grupo perdeu apenas 1,5 kg com dietas comuns.

Essa diferença tão grande, já demonstra o quanto essa dieta é capaz de proporcionar ótimos resultados.

Além de toda essa vantagem, ainda é possível contar com a redução de triglicerídeos.

A dieta low carb é segura?

Essa dieta, como explicado, foca no baixo consumo de carboidratos e, por conta disso, muitas pessoas ficam com receio de prejudicar sua saúde ao encarar esse tipo de alimentação.

Até hoje, em todos os estudos que já foram realizados com essa dieta, não foi registrado nenhum tipo de efeito colateral mais grave.

Na verdade, em todas as pesquisas que já foram realizadas, a dieta acaba causando, além do emagrecimento, diversas melhorias na saúde, tais como diminuição da pressão arterial e dos níveis de açúcar no sangue.

Essa dieta consegue acabar e eliminar por completo uma grande quantidade de gordura do seu corpo. Como?

Quando você deixa de ingerir carboidratos, o seu corpo precisa buscar outra fonte de energia e ele só encontra isso na gordura que está armazenada e quando a gordura do seu corpo é utilizada como fonte de energia, imediatamente o emagrecimento começa a acontecer.

É importante ressaltar que principalmente a gordura visceral é utilizada e isso é algo fundamental, pois a mesma fica acumulada em volta de órgãos vitais do nosso orgasnismo, o que pode levar a uma inflamação séria ou até mesmo ao desenvolvimento de doenças.

A dieta ainda ajuda as pessoas com síndrome metabólica e com diabetes tipo 2.

Só existem fatores positivos no que diz respeito a essa dieta. O melhor é que todos os fatores não fazem parte apenas de uma crença popular, mas sim de pesquisas cientificas sérias, que foram feitas para podem atingir um resultado duradouro.

Como Fazer a Dieta Low Carb? Qual é o Cardápio Low Carb?

como fazer dieta low carb

Não existe nenhum cardápio que seja específico para fazer a Dieta LowCarb, pois o principal objetivo da mesma é diminuir o consumo de carboidratos e focar mais nas gorduras saudáveis e nas proteínas.

Tende isso em mente, nós podemos sugerir um cardápio para você, mas de qualquer forma, qualquer outro que tenha o baixo consumo de carboidrato poderá ser utilizado.

Confira:

No café da manhã:

Opção 1: Omelete com queijo, salsinha, cebolinha e 1 colher (chá) de semente de linhaça dourada

Opção 2: Meio abacate coberto com um ovo. Retire o caroço do abacate, quebre um ovo dentro da metade e tempere com um pouco de sal, pimenta e outros temperos de sua preferência. Leve para o forno por 12 minutos ou no microondas por 3 minutos apenas.

Opção 3: Faça enroladinhos de presunto e queijo com tomate e orégano na frigideira. É como se fosse um bauru, só que sem pão.

Opção 4: 2 ovos fritos no óleo de coco com uma fatia de queijo minas. Se você quiser derreter o queijo, fica ainda mais gostoso.

Opção 5: Pão sem carboidrato. Use 4 ovos, 90g de cream cheese, sal a gosto, 1 fatia de queijo, 1 fatia de peito de peru e leve a massa para assar por aproximadamente 25 minutos.

Lanche da Manhã

Opção 1: 1 xícara de café com creme de leite

Opção 2: 2 ovos cozidos temperados com tomilho, azeite e cebolinha

Opção 3: palitos de pepino com cream cheese

Opção 4: 1 pedaço de queijo

Almoço

Opção 1: Sandice com alface (ao invés de pão), maionese, peito de peru, maionese e queijo.

Opção 2: Almôndegas LowCarb e legumes refogados no azeite

Opção 3: atum grelhado com brócolis

Opção 4: 1 pires de salada de rabanete e rúcula, 1 bife grande e 4 azeitonas

Opção 5: peito de frango assado com bacon e couve refogada no óleo de coco

Lanche da Tarde

Opção 1: 2 panquecas finas de whey

Opção 2: ½ xícara de morangos com 1 colher de creme de leite e adoçante

Opção 3: 1 xícara de gelatina sem açúcar

Opção 4: 5 nozes

Opção 5: ½ xícara de chips de provolone

Jantar

Opção 1: salsicha frita no óleo de coco com queijo e pimenta vermelho

Opção 2: salada com ovos mexidos e espinafre. Salsinha e cebolinha.

Opção 3: camarões grelhados com alho e salada de abacate com alface

Algumas dicas para maximizar a sua dieta

cardapio low carb

  • Procure variar o cardápio

Como qualquer outra dieta, se você ficar comendo as mesmas coisas durante vários dias, a motivação vai embora. A dieta não é algo que deve ser torturante a ponto de provocar ânsia.

Faça um planejamento de tudo o que será feito para o cardápio da semana e tente sair um pouco do óbvio.

Se você não for muito fã de ovos, faça uma omelete em um dia, no outro use alguns temperos ou algum outro recheio de sua preferência.

Saia da rotina o máximo possível. Existem diversas receitas na internet!

  • Morangos ajudam a saciar o impulso por doces

Se você tem dificuldade de controlar aquela vontade de comer doces, tente ingerir um pouco de morango com creme de leite, por exemplo. Você pode usar adoçante.

Se o morango não for suficiente, coma pelo menos 1 quadradinho de chocolate que seja 80 a 90% de cacau. Apesar de ser muito amargo, a sua vontade de comer doce vai embora.

  • De preferência para os alimentos naturais

Evite ao máximo os produtos que são processados, por mais que eles sejam LowCarb, a sua melhor alternativa sempre será os alimentos saudáveis e nutritivos com o mínimo possível de aditivos químicos.

  • Coma mais folhas verdes

Um dos efeitos colaterais da dieta, pode ser a prisão de ventre. Para poder resolver isso, come pelo menos uma xícara de folhas verdes todos e dias e faça algum tipo de exercício físico.

Isso acontece principalmente em razão do consumo excesso de proteínas.

  • Não exagere no consumo do leite

O excesso de lactose e açúcar podem causar alterações na glicose sanguínea. Tome cuidado!

  • Tome muita água

Além de ajudar no funcionamento do seu intestino, ainda será possível conseguir eliminar as toxinas do seu organismo. Beba pelo menos 8 copos de água todos os dias.

Se você preferir, use hortelã ou raspas de gengibre para aromatizar a sua água.

  • Não fique passando fome

A Dieta LowCarb não foi desenvolvida para você passar fome e sim para diminuir a quantidade de carboidratos ingeridos.

  • Evite exageros

Não é porque você pode comer queijo, que pode abusar do mesmo. A moderação é a chave para o sucesso da sua dieta.

Se você sofre por compulsão alimentar, procure não deixar os alimentos tentadores à sua frente. Isso pode acabar fazendo com que você exagere e come em horas inapropriadas.

  • Faça a contagem do consumo de carboidratos

Você não precisa extinguir completamente o consumo do carboidrato, desde que você faça a contagem para saber quanto está sendo ingerido diariamente.

Nada de exagerar ou deixar faltar!

Como você já sabe, existem diversas variações da dieta, com diferentes restrições e permissões. O que todos elas têm em comum é o baixo consumo de carboidratos.

É importante que você saiba que para fazer esta dieta, não vai bastar apenas cortar os carboidratos e aumentar o consumo de proteínas, pois além de não conseguir emagrecer, você ainda pode colocar a sua própria saúde em risco.

Use a Dieta LowCarb e consiga atingir todos os seus objetivos. Muitas pessoas conseguem eliminar de 7 a 10kg (e até mais) com apenas 4 semanas de dieta.

Boa sorte!

Deixar um Comentário